Djokovic volta a vencer três meses depois

O sérvio Novak Djokovic, antigo número um mundial, venceu esta segunda-feira o seu compatriota Dusan Lajovic, na primeira ronda do Masters 1000 de ténis de Monte Carlo. Djokovic, 13.º do mundo, venceu o compatriota, 93.º do ranking ATP, em dois ''sets'', por 6-0 e 6-1, na estreia do Masters 1000 de Monte Carlo, num encontro que durou apenas 56 minutos, e que lhe valeu a passagem à segunda ronda.

O sérvio, que passou por uma cirurgia ao cotovelo após a derrota, em janeiro, nos oitavos de final do Open da Austrália, regressou à competição em março, perdendo no Masters 1000 de Paris e no de Miami, os dois únicos encontros disputados. Nas últimas semanas o tenista passou por mudanças radicais na sua equipa, com as saídas de Andre Agassi e Radek Stepanek da sua equipa técnica, voltando a treinar com o antigo treinador Marian Vadja.

Na segunda ronda, Djokovic, vai defrontar o tenista croata Borna Coriv, 39.º do ranking mundial, que venceu o veterano francês Julien Benneteau (58.º).

Agência Lusa h 10 dias