Fotogaleria. 10 aeroportos mais bonitos do mundo

Do enorme urso amarelo que dá as boas-vindas no Qatar, à cascata de 40 metros de altura em Singapura, passando pelas vibrações tecnológicas na Malásia, a empresa turística espanhola Civitatis preparou uma lista que indica quais são os aeroportos mais bonitos do mundo, segundo o El Confidencial.

A viagem começa no Aeroporto Internacional de Hamad, em Doha (Qatar), inaugurado em 2014 e projetado pela empresa de arquitetura HOK. Dentro dos seus 2.200 hectares, salta à vista a escultura de um urso amarelo gigante no átrio principal e os seus tetos em formato de ondas homenageiam a costa deste país do Médio Oriente.

https://observador.pt/2018/04/02/como-e-o-aeroporto-mais-luxuoso-do-mundo-em-15-imagens/

A cerca de sete mil quilómetros, em Marraquexe (Marrocos), está o Aeroporto Internacional de Menara, cheio de ornamentos típicos da cultura islâmica. É considerado um dos mais sustentáveis a nível global graças aos painéis solares que aproveitam os muitos dias de Sol.

Debaixo dos céus dos Estados Unidos da América, encontra-se o Aeroporto Internacional de Denver, cuja arquitetura se assemelha a uma cordilheira coberta de neve graças ao trabalho do arquiteto norte-americano Curtis Frentiss, que utilizou tendas.

Os espanhóis têm dois aeroportos no ranking do Civititas. Com telhado ondulado, temos o Aeroporto Internacional Adolfo Suárez Madrid-Barajas; já o Aeroporto Internacional de Bilbau, da autoria do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, quis retratar um pássaro.

No continente asiático, o Aeroporto Internacional de Daxing, em Pequim (China), foi inaugurado em 2019 -- e já em 2015 prometia ser uma construção emblemática -- e tem a forma de uma estrela do mar, ideia da arquiteta britânica-iraquiana Zaha Hadid.

https://observador.pt/2015/04/29/china-vai-construir-maior-terminal-aeroporto-do-mundo-pequim/

É como se fosse uma autêntica floresta tropical. No Aeroporto Changi, de Singapura, há cinema (gratuito), um museu, árvores e uma cascata de 40 metros. Completamente diferente é o Aeroporto Internacional de Kuala Lumpur, na Malásia, que é uma mistura entre ficção cientifica e o cenário do filme Blade Runner devido aos tons laranja.

Já o Aeroporto de Lyon-Saint Exupéry, em França não é só famoso por ter o nome do escritor de O Principezinho: é o seu design que imita o voo de um pássaro que lhe dá a distinção de um dos mais belos do mundo. Outra vez a falar de aves? Sim, porque o responsável por este projeto é o mesmo do Aeroporto Internacional de Bilbau, o arquiteto espanhol Santiago Calatrava.

Com wi-fi gratuito, um campo de golfe, camarotes com camas e escritórios por 10 euros à hora, o Aeroporto Internacional de Munique, na Alemanha, consta igualmente na lista da Civititas. Foi projetado pelo arquiteto Franz Josef Strauss.

Ana Sousa h 1 mês